sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Há férias... mas a polémica continua!


O campeonato está de férias mas nem parece. Já não dão meia-dúzia de jogos na televisão, ok, mas continua a falar-se dos árbitros. Sempre eles. Um em particular: Pedro Henriques. O do Benfica-Nacional, do golo anulado a Cardozo aos 92 minutos que daria a vitória aos encarnados. Um erro enorme, diz-se quase em coro.

Apesar de todas as críticas, Pedro Henriques continua a defender aquilo que viu: que a mão de Miguel Vítor alterou a trajectória da bola e colocou-a nos pés de Cardozo. Verdade? Completamente. Então o que tanto se discute? A intencionalidade ou não de Miguel Vítor. O jogador do Benfica estava caído no relvado e a bola embateu no seu braço. Não há intencionalidade, é certo, mas tal como diz Pedro Henriques a bola alterou a sua trajectória. É esta a versão do árbitro. E de poucos mais, pois todos o acusam de ter errado.

Eu confesso que não sei se Pedro Henriques decidiu bem ou não. Só não acho bem que se crucifique o árbitro. Ou é fácil decidir bem numa fracção de segundos? Pois.

(Imagem: Futebolartte)

Seja o primeiro a comentar

FUTEBOLÊS © 2008 Template by Dicas Blogger.

TOPO