quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Made in Enlgand: Azul intenso no topo

Após o final da sétima jornada da Premier League, o Chelsea, campeão em título lidera a tabela, e o Manchester City segue em segundo. Os restantes pretendentes à glória no final da época desiludem. O Manchester United, por exemplo, concedeu mais um decepcionante empate frente ao Sunderland. A equipa de Steve Bruce tem vindo a ganhar confiança, contra todas as previsões, depois de já ter derrotado o City e empatado com Arsenal e Liverpool. Desta vez calhou à equipa de sir Alex Ferguson, que enfrenta uma crise de resultados, sofrer frente ao Sunderland. E poderia ter sido pior: por várias vezes os da casa ameaçaram a baliza de Van Der Sar, que esteve em bom plano, assim como também ajudou um pouco de sorte. Nani e companhia ainda esboçaram uma reacção, mas foi insuficiente. Destaque também para a estreia de Bebé - jogou os primeiros dez minutos oficiais pelos red devils.

Muito mal está o Liverpool. A época passada correu e terminou mal, mas esta época está a começar de uma forma horrível. Com apenas seis pontos, os reds de Liverpool estão nos lugares de despromoção e a última derrota, em casa, frente ao recém-promovido Blackpool, veio afundar e intensificar a insatisfação em Anfield Road. A perda de Fernando Torres por lesão não ajudou, mas os visitantes, que perderam 6-0 com o Arsenal e 4-0 com o Chelsea, deveriam ter sido presa fácil para a nova equipa de Raúl Meireles. Com uma defesa muito permissiva e um ataque ineficaz, os de Liverpool nem sequer dominaram na posse de bola. Como resultado, e dado a interrupção no campeonato, vão passar duas semanas np antepenúltimo lugar. Para quem apostou na vitória do Blackpool - 1/11 - fica um fim-de-semana de um bom encaixe financeiro.

No jogo grande da última jornada, o Chelsea bateu em casa o Arsenal, por 2-0, com golos de Drogba e Alex. Num jogo intenso entre candidatos ao título, o Chelsea foi mais feliz e eficaz, levando os três pontos e colocando-se, assim, com mais quatro do que o segundo classificado. De notar que os gunners versão 2010/11 não são toscos, no entanto voltam a enfrentar o fantasma de jogarem muito bem, criarem muitas oportunidades e não marcarem. Com tudo isto e após a vitória sobre o Chelsea, na semana passada, e nova vitória sobre o Newcastle nesta última ronda, o Manchester City sobe ao segundo posto e começa a justificar o investimento milionário que fez no Verão. Os citizens venceram, em casa, o Newcastle. Boa vitória num jogo marcado pela lesão grave do avançado francês Ben Arfa.

O Newcastle, que voltou ao escalão principal nesta época, está a dar boa conta de si e foi a Manchester com uma ideia clara: ganhar. Contudo, tiveram um revés logo no inicio da partida, depois de uma entrada muito feia de De Jong sobre Ben Arfa, que levou este último a sair lesionado - repare-se que o médio holandês, riscado da convocatória de Bert van Marwjik devido a este episódio, nem sequer viu o cartão amarelo das mãos de Martin Atkinson. No final do jogo, a avaliação da lesão de Ben Arfa mostrou uma dupla fractura na sua perna esquerda: tíbia e perónio. Os blues de Manchester, com Carlitos Tévez endiabrado, acabaram por ganhar num bom espectáculo de futebol. Nas restantes partidas destaque para a vitória do Tottenham frente ao Aston Villa, por 2-1, e ao empate do West Bromwich Albion, a um golo, frente ao Bolton, colocando os spurs e o WBA com os mesmos pontos que o Arsena. Todos em quarto lugar.

MADE IN ENGLAND é um espaço quinzenal, assinado por Armando Vieira, que incide sobre o mais apaixonante campeonato do planeta

2 Comentários:

Mattos disse...

Tenho um feeling que este ano o City se irá intrometer a sério na discussão do titulo Inglês...
Chelsea com excelente inicio...
United assim...assim...
Arsenal novamente irregular...
Liverpool decepcionante...

Abraço

Mattos..paixaodabola.blogspot.com

JornalSóDesporto disse...

Artigo Excelente.

FUTEBOLÊS © 2008 Template by Dicas Blogger.

TOPO