quarta-feira, 18 de março de 2009

O Sp.Braga de Jorge Jesus

Jorge Jesus não reúne consensos no futebol português, por não ter um discurso muito cuidado, chegando mesmo a ser algo desleixado. Mas mostra bons resultados. Num passado mais recente recuperou um Belenenses, que salvara da descida devido a todo o imbróglio do caso Mateus, catapultando-o para a Taça UEFA. Além disso, conseguiu também uma presença na final da Taça de Portugal, algo histórico para o clube. Saiu, apesar do excelente trabalho. Terminado o trabalho no Restelo, foi a primeira escolha de António Salvador para treinar o Sp.Braga.

Os arsenalistas partiam, também, para a época 2008-09 com ambições renovadas após uma época que nada teve de parecido com aquilo que havia sido construído no tempo de Jesualdo Ferreira, em que o Sp.Braga chegou à Taça UEFA e se intrometeu entre os grandes. Sucederam-se os treinadores, os problemas na equipa e acabou a temporada fora dos lugares uefeiros. Contudo, conseguiu-o por via da Intertoto, já com Jorge Jesus no comando. Daí em diante foi somando pontos atrás de pontos na Europa. Num abrir e fechar de olhos, porém com muito trabalho, chegou aos oitavos-de-final da Taça UEFA. Já depois de ter silenciado o San Siro, frente ao AC Milan, embora injustamente derrotado.

Amanhã, o Sp.Braga pode alcançar algo nunca conseguido nos bracarenses, se eliminar o Paris Saint-Germain e avançar para nova eliminatória. Contudo, caso isso não aconteça, nada apagará tudo o que já foi conseguido. Jorge Jesus é, obviamente, um dos maiores responsáveis pelo sucesso do Sp.Braga. Principalmente na Europa. Que mais podem pedir os adeptos quando se conciliam bons resultados com boas exibições?

Seja o primeiro a comentar

FUTEBOLÊS © 2008 Template by Dicas Blogger.

TOPO