terça-feira, 9 de setembro de 2008

É Caçador mas não é milagreiro!

Não houve milagres. A selecção sub-21 de Portugal não se conseguiu apurar para o Euro 2009. A equipa nacional não foi além de um empate a dois com a Irlanda, última classificada do grupo. Até esteve a ganhar por 2-0, mas a segunda parte foi um autêntico desastre.

Só havia uma hipótese: ganhar. E mesmo assim era preciso uma série de resultados favoráveis à qualificação. O início do jogo trouxe boas indicações, com Portugal a dominar e a criar algumas ocasiões de golo. Aos 37 minutos, Vieirinha recuperou a bola e cruzou para a área, onde Vaz Té aproveitou e abriu o marcador. Um golo mais do que necessário. A equipa animou-se e, mesmo em cima do intervalo, voltou a marcar. Manuel Fernandes, o capitão, fez o segundo golo. Perfeito.

O intervalo fez mal a Portugal. Muito mal. Logo aos 49 minutos, Garvan, com um grande remate, fez o golo da Irlanda. Balde de água fria e a qualificação a fugir. No minuto seguinte, McCarthy esteve próximo do empate, mas Ricardo Baptista - substituiu o lesionado Rui Patrício - opôs-se bem. Depois disso, a equipa nunca mais se encontrou.
Foi então que Garvan resolveu ser desmancha-prazeres, aos 64 minutos, fazendo o empate. Tudo estragado!

Até final, Portugal lançou-se ao ataque, à procura da vitória. E da qualificação. Saleiro, a quinze minutos do fim, esteve perto de marcar. Depois foi a vez de Hélder Barbosa rematar ao ferro. Não chegou.

Desilusão. Enorme desilusão.

FUTEBOLÊS © 2008 Template by Dicas Blogger.

TOPO